Os veículos aéreos não tripulados, também conhecidos como drones, tornaram-se um acessório indispensável para fotógrafos, produtores de vídeo e até mesmo para influencers. Para todos eles, são o elemento necessário para conseguir as imagens e filmagens que faltavam no portfólio de trabalho ou na galeria de recordações!

Embora, em alguns casos, possam parecer brinquedos, não há dúvida que um drone (de alta qualidade) é um investimento sério.

Com efeito, e face à enorme oferta que existe no mercado, neste artigo são explorados os 6 melhores drones de 2020, algumas dicas para escolher um drone e ainda questões sobre voo responsável.

Tabela de Conteúdos

6 melhores drones a comprar 2020Parrot Minidrone Mambo Fly - PF727008

Parrot Minidrone Mambo Fly

1. Parrot Mambo Fly

  • Autonomia: 9 minutos;
  • Distância máxima de operação: 20 metros (smartphone ou tablet) e 100 metros (Parrot Flypad opcional);
  • Fotografia: câmara VGA;
  • Video: não;
  • Peso: 63 gramas;

Este é um dos modelos para iniciantes que foi concebido a pensar justamente em quem não tem experiência na pilotagem de drones. O Mambo Fly é a porta de entrada ideal para se iniciar no mundo dos drones.

O Parrot Mambo Fly conta com três modos de pilotagem: Easy (voo estabilizado), Drift (controlo de altura) e modo Racing (controlo sem ajuda para estabilização).

Através de sensores do controlador de voo e do alto desempenho, o Mambo permanece estável mesmo quando não existe qualquer controlo manual.

É ideal para desenvolver as habilidades de pilotagem e também perceber o funcionamento deste tipo de equipamentos.

O Parrot Mambo Fly combina o melhor dos drones: a pilotagem, estabilidade e o formato. Relativamente, a fotografia e vídeo, estas características são claramente o ponto menos positivo deste dispositivo.

Este modelo encontra-se disponível desde 40€.

DJI Drone Ryze Tello White
DJI Drone Ryze Tello

2. DJI Ryze Tello

  • Autonomia: 13 minutos;
  • Distância máxima de operação: até 100 m;
  • Fotografia: 5 MP;
  • Video: 720p Full HD a 30 fps;
  • Peso: 80 gramas;

Este é o primeiro DJI nesta lista de melhores drones do mercado e é indicado para iniciantes.

Com uma câmara embutida, oferece fotos de 5MP e vídeos a 720P. Uma verdadeira experiência imersiva para os amantes de fotografia e vídeo que ansiavam um angulo aéreo.

Fácil de manusear, com um simples toque é possível descolar e aterrar, o Tello pode ser controlado via smartphone ou então por um comando Bluetooth compatível.

Pequeno o suficiente para voar dentro de casa, é seguro para experimentar junto dos mais pequenos.

De reforçar ainda que este ponto da segurança é extremamente importante neste modelo. O DJI Ryze Tello tem proteção contra falhas, pousa com segurança mesmo se perder a ligação, e é extremamente compacto, inclui protetores ao redor das hélices.

Sem dúvida, uma boa escolha para uns dias de diversão e está disponível desde 99€.

DJI Drone Mavic Mini - 1323318
DJI Drone Mavic Mini

3. DJI Mavic Mini

  • Autonomia: 30 min;
  • Distância máxima de operação: até 4 km;
  • Fotografia: 12 MP;
  • Video: 1080p Full HD a 60fps;
  • Peso: 249g;

Para quem está a começar de forma séria com os drones e quer começar já com um equipamento de alta qualidade, o DJI Mavic mini é a escolha.

Apesar de se encontrar na gama de drones para iniciantes e de exigir um maior investimento, reúne as características ideais para uma aventura com um outro nível de qualidade.

A marca intitula o Mavic Mini como o “drone para momentos fantásticos” e não fica por aqui, oferece uma experiência de vídeo a 1080p, em Full HD, até 4km de distância de gravação, que promete excelentes momentos!

Fácil de transportar, é o drone ideal para começar a explorar quando a ideia é viajar. Conta ainda com um sistema de deteção de obstáculos e sensores inteligentes graças ao seu GPS.

Este drone encontra-se disponível desde 399€.

Parrot Drone Anafi
Parrot Drone Anafi

4. Parrot ANAFI 4K

  • Autonomia: até 25min;
  • Distância máxima de operação: até 4 km;
  • Fotografia: 21 MP;
  • Vídeo: 4K Cinema 4096×2160@24fps;
  • Peso: 320g;

O Parrot Anafi 4k é mais uma solução de drones para profissionais.

É a solução ideal para filmar vídeos de alta qualidade, a câmara 4K HDR voadora possui recursos exclusivos de captura de vídeo; e tirar fotos incríveis, graças ao seu exclusivo gimbal de 180° e 2.8X de zoom sem perder qualidade.

Além desta mistura visual, o seu formato dobrável ultracompacto significa que o ANAFI pode ser o melhor amigo para uma viagem, em qualquer momento e lugar.

Silencioso e resistente a condições meteorológicas extremas, o ANAFI tem um tempo de voo até 25 minutos com performance e estabilidade avançadas.

Por último, com modos de voo automatizados este drone promete uma experiência de outro nível.

Quanto a preço, o Parrot Anafi 4k está disponível desde 600€.

DJI Drone Mavic Air 2
DJI Drone Mavic Air 2

5. DJI Mavic Air 2

  • Autonomia: até 34min;
  • Distância máxima de operação: até 6 km;
  • Fotografia: 48 MP;
  • Video: 1080p | 2160p 4K;
  • Peso: 570g;

O novo Mavic Air 2 eleva o nível para profissionais e criadores de conteúdos. Seja qual for o conhecimento e experiência do piloto, as funcionalidades e tecnologia do Mavic Air 2 irão atrair todos os tipos de criadores de conteúdo.

Apesar do tamanho, é um “pequeno” drone cheio de potencial e por isso foi eleito para esta lista de melhores drones do mercado. Possui um sistema de obstáculos de três vias, modos de voo pré-programados e até uma solução de geofencing GEO para ajudar a manter os drones afastados de zonas de elevado risco, como aeroportos.

Por sua vez, o Mavic Air 2 é o primeiro drone da série Mavic a oferecer a qualidade de vídeo 4K a 60 fps e 120 Mbps. Além disso, ainda permite Slow Motion em 1080p a 240 fps.

Para um drone portátil, é sem dúvida um modelo para começar encarar a atividade ainda mais a sério. A nível de preço de aquisição este drone está disponível desde 815€.

DJI Mavic 2 Pro
DJI Mavic 2 Pro

6. DJI Mavic 2 Pro

  • Autonomia: até 31min;
  • Distância máxima de operação: até 8 km;
  • Fotografia: 20 MP;
  • Video: 1080p | 2160p 4K;
  • Peso: 907g;

Mais um DJI nesta lista dos melhores drones do mercado. No caso, na categoria de drones para profissionais.

O Mavic 2 Pro possui as mais recentes inovações da DJI a nível tecnológico. Com inúmeras soluções e programas de voo, é dos poucos drones a ter um sensor de obstáculos em seu redor, graças ao sistema APAS 3.0.

Com uma qualidade de imagem e vídeo incomparável dentro do seu range de preço, apresenta uma solução topo de gama para os dois mundos: visual (imagem/vídeo) e voo.

No que toca a visual, permite capturar imagens com uma câmara de 20 MP e gravar vídeo com uma resolução até 2160p. Além disso, incorpora o modo QuickShot que permite criar efeitos cinematográficos enquanto é conduzido a alta velocidade.

Por outro lado, e para quem gosta simplesmente de experienciar o melhor da pilotagem, o Mavic Pro é um drone muito competente, com uma estabilidade bastante assinalável e imaculado no que toca a controlo (responde automaticamente a qualquer indicação).

Com possibilidade de distância até 8 km, é perfeito para grandes aventuras. Um must para os experts da área.

Este modelo está disponível desde 1380€.

Como escolher um drone?

A escolha de um drone, seja para quem vai começar a descobrir o mundo da pilotagem ou quem já tem alguma prática, requer atenção a algumas características.

Quais os tipos de drones existentes?

Para escolher um drone é necessário pesquisar e analisar as opções que existem no mercado.

Dependendo do utilizador, é essencial encontrar um drone que corresponda às expectativas e ao objetivo de utilização. Logo, as necessidades e experiência do utilizador vão ser fatores extremamente importantes para a compra.

Face a esta necessidade prévia, é importante referir que existem 2 categorias de drones: para iniciantes e profissionais.

Drones para iniciantes

Os drones para iniciantes são uma excelente escolha para quem procura uma solução ao nível da relação qualidade/preço.

A grande vantagem deste tipo de drones é exatamente a sua interface e painel de controlo. Além de um preço mais atrativo, por norma, têm uma boa câmara, boa captação de área, autonomia, alcance e facilidade de uso.

Por outras palavras, são ideais para quem está a começar a dar os seus primeiros voos e tem receio de investir num modelo de valor mais elevado. No fundo, autênticas plataformas de diversão e aprendizagem.

Drones para profissionais

Os drones profissionais, normalmente são maiores, mais pesados e também mais caros que os drones para iniciantes. Estes são feitos para voar a alturas que permitem fotografias ou vídeos aéreos impressionantes, uma vez que oferecem uma qualidade de imagem entre o HD e o 4K.

Além disso, são a escolha predileta para quem faz do trabalho visual profissão. Com uma estabilidade e qualidade que lhe permitem um confortável estatuto de profissional, sem comprometer o fator mobilidade, são um tipo de drone de qualidade superior.

O grande problema,dependendo da perspetiva, é o seu preço. Todas estas valências são pagas a peso de ouro. Contudo, a verdade é que cumprem o objetivo de utilização.

Características importantes para a escolha de um drone

Antes de avançar para a compra deste tipo de equipamento, é importante perceber qual o melhor modelo face às necessidades identificadas. Tipo de utilizador? Câmara aerodinâmica para experimentar a alta velocidade? Distância de voo? Autonomia? Estabilidade? Independentemente do objetivo, o importante é encontrar um drone adequado, e claro, com um melhor custo-benefício.

Uma vez que comprar um drone não é como comprar um smartphone ou escolher um computador, deve-se avaliar e considerar uma serie de critérios diversos.

Tipo de utilizador

Tal como existem diferentes categorias de drones também existem diferentes utilizadores. Como já foi referido, cada tipo corresponde a um determinado público. Logo, não faz sentido um utilizador mais avançado comprar um drone para iniciantes.

Por outras palavras, a compra do drone tem então de cumprir o seu objetivo de utilização. Seja por diversão ou por motivos profissionais, cada dispositivo tem de ser adequado às exigências diárias e corresponder ao perfil do utilizador.

Preço

Qual é o orçamento disponível? Se a procura corresponder a uma determinada faixa de preço, é mais fácil filtrar drones por categoria e encontrar um melhor negócio.

Normalmente quanto mais caro é o equipamento mais especificidades e extras ele tem. Por isso, tudo vai depender então de quanto dinheiro cada pessoa tenciona dispender para a aquisição de um drone.

Câmara

O quão importante é a qualidade das fotos e vídeos? Os drones mais caros incluem sistemas de estabilização para a câmara que ajudam a capturar imagens e vídeos mais claros e nítidos.

Existem equipamentos de perfil mais profissional, que possuem câmaras com resolução 4K, suporte ao HDR e formato RAW para fotografia. No entanto, é possível encontrar alternativas mais simples, com câmaras de resolução Full HD.

Alcance

O alcance está diretamente relacionado com o tipo de controlo do drone. Este pode ter dois tipos de controlo: por radiofrequência na banda de 2,4 GHz, que é comum na maioria dos modelos, ou por Wi-fi, na qual o drone está ligado ao dispositivo controlador através da ligação de rede.

Destes dois tipos de ligação, a radiofrequência é claramente a que oferece uma maior distância de alcance, ou seja, cobre uma área maior de voo. Enquanto a opção de ligação Wi-Fi costuma ser mais comum em drones mais simples.

A título de curiosidade, o alcance por radiofrequência pode variar entre 50 e 250 metros, embora existam drones profissionais que podem atingir um alcance mais elevado.

Portabilidade (Peso e dimensões)

Drones mais leves apresentam uma maior resistência em caso de queda. Contudo, são mais suscetíveis ao vento. Apesar disso, são mais rápidos e ajudam o piloto a melhorar as suas habilidades de voo.

Por outro lado, os drones mais pesados apresentam, por norma, um maior poder de alcance e opções de utilização. No entanto, ao nível de transporte exigem sempre que a mala de transporte seja uma obrigatoriedade em cada viagem.

Além disso, também se deve considerar a capacidade de carga, especialmente caso se pretenda prender um arnês para montar uma câmara no equipamento.

No fundo, o ideal é encontrar um modelo compacto e que cumpra os objetivos de utilização.

Autonomia

Os melhores drones do mercado oferecem uma bateria com utilização superior a 25 a 30 minutos de utilização. Já os drones mais simples são adequados apenas para captação de imagens entre 10 a 15 minutos.

O importante é que em cada utilização, a bateria esteja totalmente carregada para que não existam contratempos.

GPS

A maior parte dos modelos tem um sistema GPS incorporado. A interface de utilização tem um sistema de mapeamento que permite controlar à distância o equipamento, assim como acompanhar todo o trajeto visualmente.

Quando a captação de imagens ou a diversão estiverem terminadas, basta carregar no popular ‘Go Home’ e o drone volta à base.

Este modo é fundamental, principalmente para utilizadores iniciantes mas também para profissionais, pois ajuda a ter um maior controlo das atividades que estão a realizar.

Estabilidade de voo

Muitas marcas indicam nas fichas técnicas de cada modelo a velocidade referência do vento na qual o drone pode voar com segurança. Geralmente não ultrapassam velocidades que poderiam ser consideradas como uma brisa suave.

Contudo, não são apenas as condições do vento que devem ser levadas em consideração. A capacidade para resistir a fenómenos climáticos, humidade ou até altitude, também devem ser tidos em conta.

Modos de voo e recursos de pilotagem

Para quem está a começar, o ideal é comprar um drone com modos de voo e manobras predefinidas, o que facilita o controlo na hora de descolar ou aterrar.

Por outro lado, drones mais avançados permitem também apurar as habilidades de quem gosta de voar alto e com velocidade. Estes são equipamentos mais versáteis e completos.

Acessórios

Quando se pretende comprar um drone, existem acessórios extras que são uma obrigação. Desde malas a caixas de transporte, baterias extra, comandos de controlo e peças sobresselentes, existem uma variedade de acessórios disponíveis encontrar para proteger o equipamento.

Legislação do país

Outro dos aspetos a considerar antes de comprar um drone é conhecer a legislação vigente em Portugal ou no país onde está a ser utilizado.

Cada país tem leis específicas quando ao uso de drones recreativos ou aeronaves de qualquer tipo.

Dicas de utilização de um drone e sobre voo responsável (FAQ’s)

Antes de terminar este artigo, é necessário abordar o enquadramento legal dos drones. De que vale pensar em adquirir um destes modelos, se não existirem alertas à sua utilização? Assim, é importante ter em atenção às seguintes questões:

É necessário licença para operar um drone?

Não é necessária qualquer licença individual para operar drones. As situações que carecem de autorização por parte da ANAC – Autoridade Nacional de Aviação Civil estão no respetivo regulamento “Voa na boa”.

Existe a altura máxima a que o drone pode voar?

Sim. Foi estabelecida uma regra geral que confere liberdade para os utilizadores de drones efetuarem voos diurnos, à linha de vista, até uma altura de 120 metros (400 pés).

Esta regra tem como objetivo de tornar mais segura a utilização do espaço aéreo, de modo a não conflituar com a aviação tripulada.

Existem regras para utilizar um drone nas imediações de aeroportos?

Sim. A utilização de drones em zonas próximas de aeroportos pode pôr em perigo o tráfego aéreo.

Por isso, existem regras que determinam qual a proximidade e altura a que um drone pode voar nas imediações de aeroportos e aeródromos. Estas regras estão presentes no regulamento da ANAC.

A violação de determinações, instruções ou ordens da ANAC constitui contraordenação aeronáutica civil grave ou muito grave.

É obrigatório o drone ter seguro?

Não. No entanto, isso não significa que, nos termos gerais de direito, o operador ou o piloto remoto não tenham de responder por todos os danos que eventualmente possam vir a causar com a atividade desenvolvida com recurso a uma aeronave pilotada remotamente.

Por essa razão, a ANAC recomenda que sejam contratados seguros de responsabilidade civil que possam acautelar os eventuais danos que possam advir da utilização das aeronaves pilotadas remotamente.

Existem zonas onde são proibidos de voar?

Sim. É proibido sobrevoar Órgãos de Soberania, embaixadas, instalações militares, instalações das forças e serviços de segurança, estabelecimentos prisionais e centros educativos.

Para mais informações sobre o enquadramento legal dos drones, o portal “Voa na Boa” tem toda a informação necessária.

Preparado para a aventura?

Resta apenas fazer um último aviso à navegação, estes podem ser os melhores drones do mercado, mas no final de contas, o que vai pesar mais na hora da compra são as preferências, gostos, e claro, o orçamento disponível.

Seja por diversão ou motivos profissionais, nada como uma pesquisa exaustiva, apontar todos os prós e contras de cada modelo e procurar o drone que realmente colmata as necessidades identificadas.

David Afonso
Autor

O David é um apaixonado por LEGO. Adora gaming, tech stuff, ver séries e tem um TOC por colecionismo. Gosta de escrever sobre as suas áreas de interesse, mesmo estando isolado na ilha juntamente com os outros sobreviventes do voo Oceanic 815.

Comentários