Este artigo é para todas as pessoas que já se sentiram frustradas ao perceber que a arrumação da casa não dura nem um dia!

Com estas 10 dicas, consegue evitar-se tarefas desnecessárias e manter tudo no devido lugar, para aproveitar o tempo de forma mais inteligente e produtiva.

Tabela de Conteúdos

  1. Criar hábitos diários de limpeza
  2. Não deixar para amanhã o que se pode fazer hoje
  3. Apostar em prateleiras
  4. Usar e abusar de organizadores
  5. Usar móveis multifuncionais
  6. Usar objetos decorativos com moderação
  7. Transformar as tarefas domésticas num jogo
  8. Transformar as tarefas domésticas num jogo
  9. Libertar espaço ocupado por coisas que já não se usam
  10. Tire partido dos eletrodomésticos certos

1. Criar hábitos diários de limpeza

Arrumar a casa não deve ser uma tarefa realizada apenas uma vez por semana.

As rotinas ajudam a adquirir este hábito. Independentemente da pressa para sair de casa de manhã, ou do cansaço ao final do dia, é nos pequenos detalhes que vamos mantendo a casa sempre arrumada.

Assim evita-se que a desorganização tome conta do espaço, apenas com pequenas ações.

Assim, lavando a louça depois de todas as refeições e varra a cozinha. Enquanto a massa fica al dente, ou a lasanha está a gratinar no forno, vai-se limpando a loiça conforme se cozinha. Caiu uma pinga de molho no chão? Uma folha do rolo de cozinha basta para limpar na hora!

Fazer a cama todos os dias de manhã é outro ponto chave para uma casa sempre arrumada. São apenas uns segundos que vão dar instantâneamente um ar mais arrumado ao quarto.

Criar o hábito diário de deixar as divisões conforme foram encontradas,  recolhendo os objetos espalhados, como roupa, carteira, e coloque-os nos respetivos locais.

São estas tarefas diárias que, poucos minutos roubam ao dia, mas que vão dar a sensação de ter tudo arrumado. Além disso, evitam que o momento de limpeza semanal pareça infinito.

2. Não deixar para amanhã o que se pode fazer hoje

A regra é simples: usa-se, guarda-se. Suja-se, limpa-se.

O que se faz quando se experimentar uma roupa que afinal não se vai usar? Guardar logo no sítio!
Troca-se de roupa, coloque-se no cesto para lavar.

Pode não ser uma regra fácil de seguir todos os dias, mas, com disciplina, a sensação de bem-estar em casa vai aumentar de forma significativa.

Assim evita o famoso cenário da torre de roupa no quarto, que só desaparece ao sábado, ou a acumulação de 10 sapatos na entrada da casa.

Com apenas 10 segundos, podem ser evitados minutos intermináveis no fim-de-semana. Ao fazer tudo no momento não tem de se voltar e fazer depois.

3. Apostar em prateleiras

Esta dica pode ser aplicada em todas as divisões da casa. As prateleiras trazem um toque extra de arrumação a espaços pequenos, sem os sobrecarregar, e proporcionam uma maior sensação de amplitude.

Devem ser definidos locais nas paredes onde seja adequado colocar prateleiras, com a finalidade de organizar objetos que, à partida, não teriam um local definido.

  • Na cozinha, podem ser ótimas bases para temperos, livros de receitas e utensílios coloridos ou com design especial que mereçam estar expostos;
  • Na casa de banho, podem ser usadas para guardar as toalhas de forma ordenada e visualmente apelativa, para apoiar produtos de higiene ou até para acrescentar cestos para arrumar stock extra de coisas que não estão ainda a uso;
  • Nos quartos, as prateleiras podem ser utilizadas tanto para colocar peças decorativas, como vasos ou velas, ou ainda para exibir livros ou molduras.

As prateleiras não só são extremamente úteis, como complementam a decoração. Deve ter-se cuidado para distribuir uniformemente o peso dos objetos. Deixe alguns espaços vazios entre os objetos nas prateleiras para poder sentir e ver a organização.

4. Usar e abusar de organizadores

Os cestos e caixas de arrumação são os melhores aliados para manter a casa sempre arrumada, com pouco esforço, principalmente para aqueles objetos que nunca se sabe onde colocar, mas que usa todos os dias.

Com a variedade de cores, tamanhos e materiais, é fácil encontrar organizadores práticos, bonitos e resistentes. Desta forma, vai acrescentar um toque especial à decoração da sua casa, ao mesmo tempo que a mantém arrumada.

     
Arrumação e organização para casa.

Mais de 2 milhões de produtos, em mais de 1300 lojas. Tudo em KuantoKusta.pt.

Dica: separar os cestos organizadores por categorias. Por exemplo, guardar em sítios específicos os brinquedos das crianças, as faturas, cabos e acessórios de telemóveis, produtos de limpeza, cachecóis, luvas e outros objetos que precisam de ser guardados, mas que têm de estar facilmente acessíveis.

5. Usar móveis multifuncionais

Encontram-se já no mercado inúmeras opções de móveis desenhados especificamente para arrumação. Chamam-se móveis multifuncionais e ajudam a aproveitar o espaço disponível e a guardar o que já não cabe nos armários.

Por exemplo: camas elevatórias ou com arrumação de gavetas.

Estas são uma solução inteligente para qualquer casa, e é uma boa dica de decoração para quartos em especial para um quarto com espaço limitado.

Desta forma, poderá utilizar o espaço livre debaixo da cama que, à partida, não estaria destinado para arrumação. Aqui poderá colocar roupa de cama, edredons, lençóis, almofadas extra e outros itens que utiliza com menor frequência.

Alguns pufesbancos e sofás também contam com compartimentos adicionais no seu interior que ajudam na arrumação. Além de serem excelentes apoios para descansar ao fim do dia e imprescindíveis assentos complementares para convidados, são grandes aliados de organização.

     
Casa e decoração para todos os gostos.

Temos mais de 2 milhões de produtos, em mais de 1300 lojas. Tudo em KuantoKusta.pt.

6. Usar objetos decorativos com moderação

A decoração influencia a arrumação! As divisões com menos objetos decorativos conservam-se mais facilmente arrumadas.

Dispense bibelots e peças pequenas que não acrescentem nada ao ambiente, quer do ponto de vista estético, quer do ponto de vista funcional. Na hora de arrumar e limpar, esta dica vai fazer a diferença.

Mas não é só ao nível de arrumação que uma decoração minimalista é pertinente. Quando os ambientes têm poucos objetos, é mais fácil saber onde estão, e evitar poluição visual.

O excesso de pequenos itens decorativos em casa dá sempre a sensação de estar desarrumada, ainda que não esteja. Escolha poucas peças, varie nos tamanhos e certifique-se de que ficam bem distribuídas e harmoniosas.

7. Incentivar a participação de todos

Cabe a todos cuidar de que tudo esteja bem arrumado, incluindo os mais pequenos de acordo com a idade e estádio de desenvolvimento. Deve incentivar-se desde cedo o hábito de arrumar os brinquedos antes de dormir, levar o lixo ao contentor, ajudar a levantar a mesa ou fazer a cama.

O mesmo se aplica quando se divide a casa com familiares ou amigos. Devem ser definidas regras e quais as responsabilidades individuais de acordo com aquilo em que cada um é mais eficaz, tirando partido dos pontos fortes de todos.

Deste modo, a limpeza é mais rápida, eficaz, ninguém fica sobrecarregado, e todos se sentem mais confortáveis.

8. Transformar as tarefas domésticas num jogo

Nunca é de mais usar a criatividade e criar um calendário divertido, quase como se arrumar a casa fosse um jogo.

Dica: escrever as tarefas essenciais em cada dia e em cada semana, e atribuir uma cor a cada elemento da família.

Desta forma, é mais fácil visualizar as tarefas que precisam de ser feitas, e verificar aquilo que já foi feito. Este calendário pode estar na porta do frigorífico, por exemplo, ou outro ambiente com bastante circulação.

Pode acrescentar-se também o tempo que cada tarefa demora a concluir, para conseguirem ter uma perceção mais clara do peso de cada uma, e garantir a distribuição entre todos.

Outra dica é começar sempre pelas tarefas mais demoradas ou complexas, para que, quando as terminar, saber que a partir dali tudo fluirá com mais facilidade e rapidez.

Incentivar todos a interagir com o calendário. Planear algum tipo de recompensa no final da execução de tarefas, como um elogio, um petisco especial ou uma noite de filmes com pipocas para usufruir mais da casa.

Resultado? Dedicação e animação durante as tarefas!

9. Libertar espaço ocupado por coisas que já não se usam

A regra é: seis meses sem usar, deve doar ou reciclar.

A quantidade de objetos que, além de ocuparem espaço, ainda consomem muito tempo a serem limpos e mantidos – mas que, na verdade, não usa nem têm qualquer utilidade é inacreditável.

Destralhar a casa é um conceito popular nas áreas da decoração, do minimalismo e da sustentabilidade, e torna-se fundamental para um ambiente mais organizado e até mais saudável.

Ajuda a libertar dos excessos e da desorganização, proporciona uma sensação de leveza e desanuvia a casa.

Como ao longo dos anos é provável que tenha acumulado muitos itens que não usa, faça uma maratona intensiva de destralhe.

Dedicar, por exemplo, um dia inteiro a libertar-se de objetos inúteis. Faturas antigas, sandálias que nos anos 90 estavam na moda e que quer queiramos quer não, não vão voltar a estar.

O mesmo se aplica a roupas que já não lhe servem, brinquedos que as crianças não usam, jornais e revistas, telemóveis antigos, cabos duplicados – e a lista continua.

Mantenha apenas os objetos que têm utilidade, que são usados com frequência e que estão em bom estado.

10. Tire partido dos eletrodomésticos certos

Existem determinados eletrodomésticos no mercado que facilitam a limpeza da casa. Por exemplo, pode ficar desmotivado quando pensa que terá de pegar no aspirador grande, pesado e emaranhado com fios.

Para que isto não aconteça, adquira um aspirador de mão, prático, leve e sem fios, ou delegue a tarefa de aspirar a robots que o fazem sozinhos, com baterias autónomas e pré-programáveis.

Esta dica é ainda mais importante para quem tem animais de estimação em casa, sobretudo no início da primavera, quando soltam mais pelo e tornam a casa quase um cenário de um filme de western.

E se não gosta de lavar louça, considere adquirir uma máquina para o efeito; é um investimento no seu tempo e no seu bem-estar. Enquanto a máquina trabalha, fica livre para se dedicar a outras tarefas, tornando todo o processo mais ágil. Além disso, também irá poupar água.

Todas as ajudas são bem-vindas para tornar a limpeza e arrumação da casa mais fácil e rápida. E a tecnologia dá um grande apoio.

Agora vem a melhor parte… Desfrutar!

Organizar a casa pode parecer difícil, mas com estas dicas é possível, e não é necessário perder muito tempo e sem grande esforço.

No KuantoKusta pode encontrar tudo o que precisa para tornar a sua casa no seu espaço preferido: limpo, arrumado, leve e onde gosta de estar. Vai ver que sobra mais tempo para si e para desfrutar da sua casa.

Autor

Lisboeta de coração e portuense de alma. Apaixonada por viajar, está sempre em busca dos cantinhos recônditos por Portugal e pelo mundo fora, na companhia de amigos, livros, e claro, da sua cadela. Surfista de ondas pequenas, adora o mar mas não diz que não ao rio. A cereja no topo do bolo, acompanhar tudo isto com os deleites da gastronomia local!

Comentários