A pensar renovar o quarto? Deixamos-te algumas dicas de decoração para quartos, para que te possas inspirar e pôr mãos à obra!

Os quartos são, muitas vezes, as divisões mais negligenciadas no que diz respeito à decoração. Isto porque é uma divisão mais privada e que é usada apenas para descansar, maioritariamente.

No entanto, a decoração deste espaço é tão ou mais importante do que qualquer outra divisão da casa, uma vez que tem uma influência direta no nosso bem-estar.

De que forma a decoração do quarto afeta o nosso bem-estar?

São vários os estudos que referem que o ambiente em que nos inserimos afeta a nossa saúde e bem-estar. No que diz respeito à decoração de quartos, o mesmo também se aplica.

As cores afetam o nosso estado de espírito, bem como o mobiliário, a iluminação e até própria disposição dos elementos decorativos afetam o nosso estado de espírito, humor e a qualidade do sono.

Por exemplo, um quarto com uma iluminação artificial muito forte mantém as pessoas alertas por mais horas. Por isso, quem tem dificuldades em adormecer deve optar por luzes amarelas e com menor potência. Este tipo de luzes ajuda a criar um ambiente confortável e acolhedor, perfeito para descansar.

O que ter em conta ao planear a decoração de um quarto

Antes de se avançar com a decoração do quarto, devem ser tidas em consideração algumas
questões, nomeadamente:

  • As pessoas que vão usufruir da divisão;
  • A dimensão do quarto;
  • Estilo de decoração preferido e gostos pessoais;
  • O orçamento disponível.

E porque é que estes fatores são importantes? Porque todos eles influenciam o tipo, quantidade e características da decoração a escolher para o quarto.

A título de exemplo, decorar um quarto de criança é completamente diferente de decorar um quarto de um casal adulto.

No primeiro caso, a decoração tem de ser pensada de forma a manter a criança segura. Peças muito pequenas ou pontiagudas não podem entrar no plano de decoração. Para um adolescente, ter o quarto com um papel de parede aos bonecos ou mobília demasiado infantil, talvez já não faça muito sentido.

Mas isto são apenas alguns exemplos. Para ajudar a combinar o melhor dos dois mundos (decoração e conforto), partilhamos algumas inspirações e dicas de decoração para quartos – de crianças a adultos.

decoração de quarto para criança
Fonte: Pexels

11 dicas de decoração para quartos para te  inspirares

Dicas para decorar quartos de criança

Decorar um quarto de criança pode ser uma tarefa divertida e por isso alguns optam mesmo por decorar o quarto do bebé de forma “faça você mesmo”.  No entanto, para outros, a tarefa de decorar o quarto de uma criança pode significar um autêntico pesadelo pois exige muito planeamento e criatividade.

Os quartos de crianças devem realmente ser pensados ao pormenor, para que a criança se sinta bem tanto para descansar, como para estudar ou brincar. Esta é a divisão em que eles passam grande parte do seu tempo. Seguem-se algumas dicas de decoração para quartos de criança.

1. Menos é mais

Pode parecer clichê, mas é a mais pura das verdades. O quarto de uma criança deve ser o mais simples possível em termos de decoração.

As crianças estão em constante desenvolvimento, o que significa que os seus gostos estão também a ser alterados com muita frequência. Consegues imaginar-te a decorar o quarto do mais pequeno de acordo com todos os seus gostos?

O melhor é mesmo optar por uma decoração simples e intemporal. Assim, só é necessário ir adaptando uma ou outra coisa, de tempos em tempos, de forma a acompanhar o desenvolvimento da criança e os seus gostos.

Uma boa opção é, por exemplo, pintar as paredes numa cor neutra e ir mudando apenas as almofadas, as cortinas, a roupa de cama, os quadros e outros elementos decorativos à medida que a criança vá crescendo.

2. Não esquecer que é um quarto de criança

Apesar de serem os pais que ditam as regras, as crianças também devem participar no processo de decoração do quarto. Afinal, este é o seu quarto.

Como referido acima, não se deve levar à letra tudo o que a criança disser em termos de decoração, mas pode-se adaptar as suas opiniões para conseguir o melhor dos dois mundos: um quarto simples, funcional e que deixe pais e filhos contentes com o resultado final.

As crianças vão referir alguma cor ou boneco preferido, mas isso não significa que tem de decorar o quarto todo dessa forma. Pode escolher mobiliário, cores e tecidos mais simples e incorporar estas opiniões (cor preferida, desenho animado que mais vê, etc.) em pequenos apontamentos.

3. Cada coisa no seu lugar

Por vezes pode ser difícil manter o quarto de uma criança organizado, mas há determinadas peças de decoração que também funcionam como soluções de arrumação.

Estamos a falar de camas com gavetas, bancos com arrumação, cestos de brinquedos, entre outras opções.

Além disso, é importante definir muito bem as áreas do quarto. Uma zona deve destinar-se ao lazer, onde a criança encontra o seu cesto de brinquedos e os seus livros preferidos. Deve existir uma área específica para a criança estudar e fazer os trabalhos de casa. E, por fim, um espaço para descansar, onde só existe a cama e tudo aquilo que a criança necessita para dormir.

4. Decoração e mobília versáteis e intemporais

Se objetivo for decorar o quarto de uma criança de forma que o mesmo dure até ele ser mais crescido, isto deve ser tido em conta ao planear a decoração. Opta por mobiliário e peças decorativas o mais versáteis e intemporais possíveis.

Assim, não é preciso comprar nova mobília a cada fase de crescimento. Escolhe uma cama extensível ou uma secretária ajustável, por exemplo.

quarto de solteiro
Fonte: Unsplash

Dicas para decorar quartos de solteiro

Quando falamos em quarto de solteiro, referimo-nos a quartos de adolescentes até jovens adultos. E para este tipo de quartos não há um padrão exato no que diz respeito à decoração.

Isto porque o quarto destas faixas etárias torna-se numa espécie de santuário, no sentido que é lá que vivem grande parte da sua vida e que põem e dispõem da decoração como querem. No entanto, temos algumas dicas de decoração para quartos de solteiros que podem ajudar-te:

5. Os gostos pessoais e a personalidade prevalecem

Um quarto de solteiro acaba por ser o reflexo da personalidade do adolescente ou do jovem adulto e, por isso, espelham os seus gostos pessoais e interesses.

A título de exemplo, é muito comum ver-se em quartos de jovens que praticam surf, pranchas como elementos decorativos. Ou no caso de skaters, vermos skates e quadros com imagens deste tema, pendurados nas paredes.

Dos livros, à fotografia ou aos jogos, um quarto de solteiro pede sempre estantes ou prateleiras para exibirem objetos decorativos relacionados com os seus hobbies, ou até mesmo os materiais escolares.

6. O quarto como “espaço sagrado”

À medida que crescemos, passamos a apreciar a necessitar cada vez maior de ter o nosso próprio espaço. Sendo o quarto a divisão mais íntima da casa, é aqui que os jovens e jovens adultos mais tempo passam quando estão em casa.

Então, é importante decorá-lo não só a seu gosto, mas também de forma que se torne o mais confortável e proveitoso possível. Por mais pequeno que o quarto seja, é importante que reúna tudo aquilo que um solteiro precisa: uma zona de descanso, de lazer e outra para estudar.

E se o quarto não dá para delimitar muito bem estes espaços, existem várias formas de contornar o problema. Uma delas são os beliches com secretária, onde em cima temos a cama e por baixo temos a zona de estudo ou de lazer.

Com este tipo de mobiliário é possível aproveitar todos os centímetros do quarto. Adiciona ainda uma cadeira de escritório confortável e uns puffs no chão, uma televisão e uma consola de jogos e temos um quarto de solteiro completo.

quarto de casal
Fonte: Unsplash

Dicas de decoração para quarto de casal

O quarto de casal deve ser decorado de acordo com os gostos de cada um. E quando esses gostos são totalmente opostos, é fundamental encontrar um meio-termo que agrade aos dois.

Se um prefere um estilo mais rústico e o outro gosta mais de decoração minimalista, é importante encontrar soluções para que a combinação dos dois estilos funcione. E é nos detalhes que se consegue encontrar este equilíbrio.

Seguem-se algumas dicas de decoração para quartos de casal, para que ambos beneficiem do melhor conforto.

7. A cama é a peça-chave

Uma das coisas que deve ser bem ponderada ao planear a decoração de um quarto é a cama. A cama torna-se a peça principal e tendo em mente o tipo e o estilo de cama pretendida, fica praticamente decidida a direção que decoração total do espaço irá tomar.

Quando for o momento de escolher a cama, deves decidir se terá ou não cabeceira, se queres uma cama com arrumação integrada, como as camas com gavetas e os sommiers com arrumação, se será em metal, madeira ou outro material, a cor e muito mais. O resultado de todas estas escolhas irá definir o rumo da restante decoração.

8. Espaço e arrumação para dois

É também essencial encontrar uma solução funcional e versátil para a arrumação de roupas, calçado e acessórios dos dois. Nesse sentido, deve ser dada preferência a soluções mais versáteis e úteis, tais como:

  • Armários embutidos – ocupam de forma eficiente o espaço da divisão para que se possa guardar este tipo de itens pessoais;
  • Mesas de cabeceira com arrumação – em vez de dares preferência ao lado estético das mesinhas de cabeceira, tenta combiná-lo com o fator “organização” e opta por soluções com gavetas;
  • Cómodas – quando o roupeiro não é suficiente para os dois, podes sempre adicionar uma cómoda e usá-la não só para guardar roupa, mas também como toucador, adicionando-lhe apenas um espelho.

9. Apostar na roupa de cama

Basta trocar a colcha ou a capa de edredão e parece que o quarto ganha logo outro ar. E ganha mesmo! Os têxteis, especialmente cortinas e a roupa da cama, têm um papel muito forte na decoração de um quarto pois acabam por marcar o ambiente do espaço.

E para quem gosta de mudar constantemente a decoração do quarto, o melhor é optar por capas de edredão reversíveis ou por colchas de uma cor neutra. Além de conferirem um elegância e simplicidade, permitem-te ir jogando com os apontamentos, como as fronhas das almofadas ou mantas.

10. As prateleiras são as melhores amigas da decoração

Isto é válido para todas as divisões da casa, mas no quarto são ainda mais úteis. São perfeitas para criar arrumação, não ocupam espaço e servem ainda de decoração.

Colocar, por exemplo, uma prateleira por cima da cabeceira da cama, adicionar fotografias dos dois e instala lâmpadas suspensas que não só dão uma vibe diferente ao quarto, como permitem iluminar a zona das mesas de cabeceira – sem recorrer aos candeeiros tradicionais.

11. Leva a natureza para o quarto

Sabias que algumas plantas podem ajudar-te a dormir melhor e por isso deves mantê-las no teu quarto? Além de serem uma forma de poderes trazer a natureza para dentro de casa, consegues ainda melhorar a tua qualidade de sono.

Quer a decoração atual já não combine mais ou caso precise mesmo de fazer uma makeover total ao quarto, não faltam soluções para transformar um quarto num espaço mais moderno, aconchegante e personalizado. Não é preciso um grande investimento ou muita criatividade para o fazer. Com pequenos passos é possível transformar por completo o ambiente de uma divisão.

Fontes:

  1. How To Design Your Bedroom For A Better Night’s Sleep
  2. Does Room Color Affect Serenity and Sleep Quality?
  3. How Much Sleep Do We Really Need?
Catarina Martins
Autor

A Catarina adora passar tempo em família, ver séries e não dispensa um bom livro. Descobriu recentemente o gosto pela escrita e por partilhar dicas e ideias sobre Casa e Decoração.

Comentários